Interface Nerd

Páginas

19 de julho de 2018

Capitão América: tudo sobre o personagem

Conhecido pela brava luta contra os comunistas, o Capitão América é desde o seu lançamento o herói que melhor representa o espírito patriota dos norte-americanos, inclusive seu uniforme é o que melhor retrata isso.

O herói nasceu em 1941, poucos anos depois do estouro da segunda guerra mundial, surgindo assim como um símbolo de paz, e maior inimigo dos nazistas, tendo socado Adolf Hitler em uma de suas primeiras capas. Isso levou os fãs dos quadrinhos nos Estados Unidos à loucura, fazendo com o que o personagem se popularizasse rapidamente.

O Capitão América é um dos poucos heróis populares da Marvel que não tem os dedos de Stan Lee, mas sim uma criação de Joe Simon e Jack Kirby - outro grande mito da editora.

O herói se juntou mais tarde aos Vingadores, já com a formação atual, com grandes nomes como Homem de Ferro e o Incrível Hulk, e também à Viúva Negra, o atirador Gavião Arqueiro, e o deus do Trovão, Thor.

Seu escudo produzido com o potente mineral Vibranium é considerado uma das armas mais resistentes do Universo Marvel, funcionando bem tanto no ataque, quanto na defesa.

Assim como os heróis populares como o Homem de Ferro e Homem-Aranha, o senhor que veste uma bandeira dos EUA em seu peito, já protagonizou 3 filmes: Capitão América: O Primeiro Vingador (2011), Capitão América: O Soldado Invernal (2014) e Capitão América: Guerra Civil (2016).

Além é claro de ter participado dos 3 longas dos Vingadores nas telonas: Os Vingadores (2012), Vingadores: Era de Ultron (2015) e Vingadores: Guerra Infinita (2018). O herói já está cotado para o quarto longa da franquia, que tem estreia prevista para 2019.

Ainda curioso? entenda a história do Capitão América.

17 de maio de 2018

Thor: tudo sobre o personagem

Thor, também conhecido como o deus pagão da mitologia nórdica, é um personagem fictício criado pelo mito Stan Lee, para ser um dos mais poderosos guerreiros da Marvel, principalmente porque o Hulk era imbatível na época (anos 60).

A primeira aparição do todo poderoso que pode controlar trovões com o seu martelo foi em Journey into Mystery #83, em meados de agosto de 1962.

Além de Stan Lee, duas outras mentes brilhantes trabalharam na construção da identidade do personagem, estes outros são: Larry Lieber e Jack Kirby - já falecido.

Thor nasceu na conhecida Era de Prata dos Quadrinhos, se tornando um dos membros fundadores dos Vingadores, ao lado do Homem Formiga, da Vespa, do Gigante Esmeralda e, por fim, do Homem de Ferro.

O personagem já estrelou seu próprio desenho animado, conhecido aqui no Brasil como 'O Poderoso Thor'; lançado em 1966, ajudou Thor a se popularizar (confira a abertura aqui).

A rivalidade entre o deus do trovão e o verdão existe desde os primórdios, sendo revelado pelo próprio Stan Lee, que Thor foi criado justamente para parar o imparável Hulk, personagem mais forte da Marvel Comics em 1960.

No Universo Cinematográfico da Marvel, o personagem é interpretado por Chris Hemsworth, que deu vida ao deus nos seguintes filmes: Thor, Os Vingadores, Thor: O Mundo Sombrio, Vingadores: Era de Ultron, Thor: Ragnarok e Vingadores: Guerra Infinita.

Dentre as armas de Thor estão o poderoso martelo Mjölnir, artefato que ajuda ao deus suprir e controlar os seus poderosos raios de trovão. E atualmente em Guerra Infinita, o Rompe Tormentas, um martelo irmão do primeiro citado - que não foi criado para o Thor nos quadrinhos, mas sim para Bill Raio Beta, porque Odin o  julgou digno.

Diferente da Viúva Negra e do Gavião Arqueiro, que não possuem superpoderes, aqui estamos falando de um deus encarnado na pele de um herói.

Conheça toda a história do deus do trovão da Marvel, Thor.

27 de abril de 2018

Homem de Ferro: tudo sobre o personagem

Além de ser o Homem de Ferro, Tony Stark tem outras dezenas de títulos, dentre eles os de gênio, bilionário, playboy, filantropo; qualidades básicas, inerentes a qualquer ser humano, rs.

Assim como o Hulk e Gavião Arqueiro, Stark viveu uma vida repleta de dificuldades, ao contrário dos progenitores dos outros heróis ele nasceu em berço de ouro, mas com um pai violento e alcoólatra, algo bem comum nas histórias da Marvel, e parece que no senso comum também.

Desde muito pequeno o garoto já mostrava grandes habilidades científicas, o que na maioria das vezes não agradava Howard Stark, seu pai.

Ainda na fase da adolescência seu pai e sua mãe morrem em uma acidente de carro, provocado por comunistas; no longa o Soldado Invernal Bucky que recebe os 'créditos' pela morte, se tornando rival do Homem de Ferro posteriormente.

A primeira armadura do Homem de Ferro foi criada de maneira totalmente improvisada após o seu sequestro. Foi uma maneira que Tony usou para escapar de seus algozes e sobreviver, e realmente funcionou.

O primeiro longa do Homem de Ferro nas telonas foi o primeiro do UCM.

E por falar em número 1, Robert Downey Jr., ator que interpreta o herói nos cinemas, é um dos mais bem pagos atualmente, e o mais bem pago quando se fala em cachê único por uma produção.

Queridinho do público em geral, o Homem de Ferro já apareceu nos filmes: Homem de Ferro, O Incrível Hulk, Homem de Ferro 2, Vingadores, Homem de Ferro 3, Vingadores: Era de Ultron, Capitão América: Guerra Civil, Homem Aranha: De Volta ao Lar, Vingadores: Guerra Infinita.

Mais do que um herói, o Homem de Ferro, criado pela lenda Stan Lee, em meados de 1963, também se tornou um mito da cultura pop.

Confira tudo sobre o Homem de Ferro.

25 de abril de 2018

Viúva Negra: tudo sobre a personagem

Não são só os homens que têm vez nos quadrinhos da Marvel, Natalia Alianovna "Natasha" Romanova, alter-ego de Viúva Negra, uma ex-espiã da União Soviética, que de vilã se tornou uma das maiores heroínas do UCM.

Como de praxe, a Viúva Negra tem como criador Stan Lee (edição), além de Don Rico (roteiro) e Don Heck (desenhos).

A primeira aparição da personagem também aconteceu nos anos 60, em meados de 1964.

A personagem surgiu como antagonista do Homem de Ferro, na época a Viúva atuava como espiã de governos comunistas - regimes que são altamente satirizados pela Marvel Comics.

Houve uma época em que a Marvel teve que ter auxílio da polícia para proteger os seus escritórios dos comunas.

A Viúva Negra foi levada para o lado do bem graças a sua paixão pelo Gavião Arqueiro.

A antes vilã, agora heroína, passou a integrar o grupo S.H.I.E.L.D., como uma agente super especial, posteriormente passou a integrar também o grupo dos Vingadores.

Como em todos os textos anteriores, a vida dos heróis da Marvel Comics não é nada fácil. Natasha perdeu sua mão ainda na infância.

No Universo Cinematográfico Marvel a Viúva Negra é interpretada por Scarlett Johansson. A primeira aparição aconteceu Homem de Ferro 2, de 2010; logo em Vingadores; Capitão América 2: O Soldado Invernal; Vingadores: Era de Ultron; e para finalizar, Capitão América: Guerra Civil.

Diferente do que é mostrado nos filmes da Marvel, a Viúva Negra não tem nenhum romance com o Incrível Hulk.

Confira tudo sobre a história da Viúva Negra.

24 de abril de 2018

Gavião Arqueiro: tudo sobre o personagem

Clint Barton é o alter-ego do Gavião Arqueiro, um personagem desprezado pelos fãs dos quadrinhos, mas que possui uma boa história, e que merece ser descrita neste post.

Assim como o Hulk, o personagem surgiu da na década de 60, por volta de 1964, nos quadrinhos Tales of Suspense #57, mas foi apenas em 1965 que o herói passou a fazer parte da equipe Vingadores, em Avengers #16.

Nas telonas o personagem é interpretado por Jeremy Renner, um ator até que com certa relevância no cenário intenacional.

Clint Barton apareceu primeiramente no filme do Thor, em 2011, depois em Vingadores, logo após Vingadores: Era de Ultron, e por último, Guerra civil, último filme do Capitão América nas telonas - mais parecia um Vingadores.

O personagem, assim como a maioria dos da Marvel Comics, teve uma infância sofrida, com um pai ausente, e uma mãe protetora, mas que não tinha força o suficiente para lutar contra os maus tratos recebidos.

Foi para o orfanato ainda quando pequeno, junto com o seu irmão, que o auxiliava, e ensinava tudo o que podia; até o dia em que fugiram do orfanato e foram parar em um circo.

Clint foi treinado na arte de atirar flechas por um criminoso, o qual virou seu arquirival no futuro. Já seu irmão mais velho, se debandou  para o crime, e enfrentou Clint, na pele de Gavião Arqueiro várias vezes.

A Carreira como herói não foi fácil, já que o mesmo não tinha super poderes; mas foi na sua visão de herói que espelhava no Homem de Ferro, que ele começou sua carreira.

No início, era muito complicado, e o desprezo dos companheiros de equipe fizeram com que ele fosse para o caminho do mau, se unindo aos comunistas. Mas com o tempo ele viu que aquilo não dava futuro, e voltou para o lado do bem.

O herói foi responsável pela morte de Bruce Banner em um quadrinho, porque o Hulk estava incontrolável.

Muitos se enganam, mas o Gavião Arqueiro já morreu algumas vezes nos quadrinhos, mas foi ressuscitado.

Ele não tem poderes, mas suas habilidades sobre humanas fazem com que ele seja o maior atirador dos quadrinhos.

Leia mais sobre o Gavião Arqueiro.

23 de abril de 2018

Hulk: tudo sobre o personagem

Conhecido diversas vezes por Incrível Hulk, ou Gigante Esmeralda da Marvel Comics, o alter ego de Bruce Banner foi criado pelos mitológicos quadrinistas Stan Lee e Jack Kirby - falecido em 1994.

A primeira aparição do Hulk que conhecemos aconteceu em 1962; mas outros personagens da editora já receberam esse nome em publicações anteriores a essa.

Dono de um visual extravagante, e pele esverdeada, o personagem é um dos mais queridos dos leitores aficionados de quadrinhos, porém seus filmes não despertaram a curiosidade do público alvo em questão, sendo um dos primeiros fracassos do UCM, lá no início dos anos 2000.

Em algumas histórias o Hulk atua mais como anti-herói do que super-herói, mas isso não remove o brilho do gigante de cor esverdeada "esmeralda".

Dr. Robert Bruce Banner, um cientista altamente reconhecido se tornou a criatura pela primeira vez quando estavam realizando testes com partículas gama e a área de testes foi invadida por um civil, o qual Banner prestou socorro imediato, sendo vítima das explosões gama, e consequentemente ganhando os poderes do Hulk.

A princípio o visual do Hulk era meio  que acinzentado - atualmente existe o Hulk Cinza -, mas foi modificado nas versões posteriores dos quadrinhos para a cor verde, que se encaixou melhor com o personagem - afinal... verde de raiva.

O controle da transformação depende simplesmente da paz de espírito do Hulk, se o doutor está calmo, o gigante permanece adormecido em seu ser, mas se ele tem picos de estresse ou irritação, o verdão dá das caras, destruindo tudo ao seu redor.

Tony Stark já tentou se livrar do Hulk o expulsando para outro planeta, mas o mesmo retornou para a terra. Essa história é contada em Planeta Hulk nos quadrinhos, e nas telonas em Thor: Ragnarok

Existem além do Hulk tradicional, o Hulk Vermelho - rival do verde -, a Mulher Hulk, os filhos do Hulk.

Amadeus Cho ocupa a posição de atual Hulk no lugar de Bruce Banner, ele é considerado a sétima pessoa mais inteligente do mundo nos comics da Marvel.

Confira muito mais sobre o Hulk.

13 de abril de 2018

Vamos falar de animes?

Provavelmente os animes são uma das melhores coisas que foram exportadas do oriente para o ocidente.

Vulgarmente conhecido como desenho de japonês aqui no Brasil, o animes atualmente também fazem parte da nossa cultura, sejam eles sobre super-heróis, monstros, vampiros, saiyajins, fadas, e tudo o mais que a mente brilhante - e às vezes doentia - dos japoneses são capazes de criar.

Eu sempre fui aficionado por anime, desde que me entendo por gente, as animações passaram a fazer parte do meu cotidiano, e também da minha vida.

O primeiro contato que eu tive foi com o Dragon Ball, na Band. Época em que minha casa não tinha nem televisão preto e branco, quiçá à cores. Eu ouvia tudo pelo rádio mesmo, e era a curiosidade e a criatividade que me 'fazia enxergar' o que estava 'acontecendo em tela'.

De lá pra cá tudo mudou, sites piratas - não One Piece - tomaram conta de toda a internet, e a melhor fonte para o consumo deste produto, na minha humilde opinião, o Crunchyroll, aportou por aqui, com opção até mesmo para boletos bancários, nos deu o poder.

Logo após veio a Netflix, e nos deixou malucos, todo ano agora eles anunciam alguma parceria nova.

Agora eu meu aventuro por diversas terras, antes desconhecidas; posso me tornar um saiyajin, e ao lado de Vegeta, Goku, Gohan, Piccolo e companhia posso derrotar todo o mau.

Outro achado foi a rede social de animes MyAnimeList, um site estilo IMDb, só que ao invés de catalogar filmes, cataloga animes.

É incontável o número de séries que existem por lá, eu estou apaixonado por aquilo, e já até coloquei alguns dos meus favoritos em minha lista.

Animes já são parte do que somos, assim com da dos asiáticos, e você que é fã, assim como eu, aquele de carteirinha, pode curtir de perto cada momento.

27 de março de 2018

Pantera Negra, o maior herói das telonas

Não é surpresa pra ninguém que Pantera Negra é um dos heróis mais comentados da atualidade, a surpresa mesmo é que o super-herói, protetor de Wakanda, e detentor da coroa do reino, se tornou durante a última atualização da bilheteria do Box Office Mojo o longa de herói com a maior bilheteria de todos os tempos nos EUA, ultrapassando um antigo conhecido dos fãs do UCM, Os Vingadores - que eu tive o prazer de ser o primeiro filme que assisti nos cinemas.

Pantera Negra mostrou a que veio desde o primeiro final de semana, com arrecadação superior aos US$200 milhões, se tornando a terceira do UCM a faturar tal valor. Atualmente o longa conta com impressionantes $1,239,238,714 arrecadados, a conta bancaria de T'Challa no mundo real também é alta, ele também é o rei das bilheterias.

Décima segunda maior bilheteria de todos os tempos, maior filme da Marvel nos Estados Unidos, maior filme do UCM, estão entre as dezenas de recordes que o longa bateu em pouco mais de um mês de exibição nas salas de cinema nos Estados Unidos.

O herói dos quadrinhos deixou comendo poeira grandes sucessos como: Capitão América: Guerra Civil e Homem de Ferro, dois filmes do Universo Cinematográfico que haviam ultrapassado a casa do bilhão há alguns anos. O primeiro citado tem um cartel de atores e personagens de peso, já o segundo tem nada mais nada menos que Robert Downey Jr., interpretando o protagonista Tony Stark/Homem de Ferro.

Pantera Negra não surgiu do nada, e não foi o nada que o transformou no herói de 2018.

O herói estará presente em Vingadores: Guerra Infinita, outro grande filme da Marvel que com toda certeza vale super a pena ficar de olho, afinal, é o mais aguardado de 2018, segundo a maior database sobre filmes na web, IMDb.

Pantera Negra vive, Wakanda vive, Marvel vive, todos vivem!

7 de março de 2018

8 anos depois, eu ainda estou vivo

Meu primeiro post na web, 12 de outubro de 2011. Naquela fatídica data eu não tinha a menor ideia do que eu queria fazer na internet.

Para se ter uma ideia do quão simples eu e meus irmãos éramos na época, a gente chegou a cogitar em lançar uma rede social similar ao Facebook, só que no Blogger. Obviamente, nós não tínhamos o menor tato com a tecnologia em 2011.

Nascemos em uma cidade com pouco mais de 5.000 habitantes, bem no interior de Minas Gerais, a única coisa que a gente conhecia era queijo e trem - sem nunca ter visto um de perto. O primeiro computador que surgiu na cidade foi em meados de 2008 - por aí -, e estava localizado em uma sala da prefeitura.

Recordar é viver; quando eu tive o meu primeiro contato com a conexão com a internet, eram apenas 100kbps, isso sendo bastante positivo e apanhando só os melhores resultados, porque a minha casa ficava mais horas sem conexão do que conectada.

Muita gente vai falar "ahhh, mas você então não sofreu com os famosos 56kbps", sim eu sofri, talvez minha conexão fosse pior do que isso. Não havia nenhum órgão regulador, tudo era pirata, desde o cabeamento, até o sinal - se é que esses órgãos reguladores servem para alguma coisa, a não ser nos roubar diariamente.

De lá pra cá muita coisa mudou, eu sai do interior e vim me aventurar em São Paulo. Até o presente momento ainda não obtive muito sucesso na web. Eu e meus irmãos - novamente - lançamos alguns sites, só que agora mais precavidos, utilizando ferramentas e técnicas de SEO - que eu aprendi enquanto cursava Ciência da Computação -, os resultado têm melhorado com o passar dos meses.

Qual a finalidade desse domínio então? O Interface Nerd

O Interface Nerd foi meu pequeno grande projeto na web, então não há como eu abandoná-lo, como o cabeçalho deste texto que você está lendo explicita, minha primeira postagem neste querido blog data de outubro de 2011, ou seja, são quase 7 anos de história.

Eu acabei optando não renovar o domínio interfacenerd.com.br, já que me custava R$40,00 por ano, e o site acabou não saindo do papel; este foi o motivo de eu vir parar no Blogger, que é livre de pagamentos, mensal, ou anual.

Então sim, o Interface Nerd vive e, principalmente, porque foi um site que eu 'startei' no início de 2011, para ser de humor - uma cópia bem tosca de sites como o Não Salvo -, mas que atualmente eu utilizo para postar novidades do cinema, séries, filmes em geral.

Nos vemos daqui a 7 anos; brincadeirinha...

12 de outubro de 2011

Como surgiu o Interface Nerd

É até um pouco estranho falar sobre isso, mas o meu interesse pela web partiu de uma entrevista sobre a Campus Party, feita pela Rede Globo, em meados de 2010, com um grande conhecido do público nerd, Alexandre Ottoni de Menezes, ou como é chamado na internet, Jovem Nerd, ao lado de seu escudeiro, o marrento, não tão marrento assim, Deive Pazos Gerpe, o Azaghal.

Pra mim aquilo foi algo incrível, pessoas que compartilhavam suas opiniões e, de certa forma, atraiam outras que tinham opiniões iguais. Dezenas, ou até mesmo centenas de milhares de pessoas acessavam uma página na web comandada por dois caras gordinhos, nada descolados, e totalmente fora dos padrões.

Eu e meu irmão ficamos maravilhados com aquilo, já tiramos a ideia do papel, e logo já estávamos com um site em mente. A gente não tinha a menor ideia de como aquilo funcionava, tínhamos acesso à internet em casa fazia pouquíssimo tempo, conhecíamos mal mal o YouTube e outra meia dúzia de sites. Como colocar um site no ar?

Após várias pesquisas, descobri os serviços do iG, provedor ao qual o Jovem Nerd é parceiro (jovemnerd.ig.com.br); contratei o serviço de hospedagem deles e comprei o meu domínio, melhor referência não há (interfacenerd.com.br). O problema começou quando eu não entendia o que fazer para colocar o site no ar. Então acabei desistindo da ideia, mas só por enquanto.

Desde então, eu decidi colocar em prática o site, mas aqui no Blogger, com o interfacenerd.blogspot.com.

Debater algumas ideias sobre o mundo nerd, filmes em geral, é o nossa objetivo. Nós temos até um mascote, mas é claro, aqui a referência é a maior, para não dizer cópia. Eu diria que é um Nerdinho 0.1, que seria o primeiro protótipo de tudo. Levamos alguns dias para desenhá-lo no Paint, mas eu até que gostei do resultado final.

Quem sabe, algum dia...

... a gente tenha uma equipe, em um site totalmente profissional e possa fazer algo melhor.

Vejam como ele ficou:


Bastante simples, mas com a nossa cara, afinal, foi o que a gente conseguiu fazer com muito esforço desenhando com o mouse de bolinha, êta mouse lixooooo.

A nossa logo também é bem caseira, desenhada também no Paint do Windows, com o 'i' na cor roxa, e o 'N' em branco, e alguns riscos atrás, para dar destaque; eu gostei muito do resultado final; poderia ter ficado melhor? Poderia; mas é o que tem para hoje.

Sejam bem vindos ao Interface Nerd.
 
Siga-nos nas principais redes sociais, facebook, twitter e outros, para ficarem por dentro de tudo o que a gente fizer por aqui!

É isso aí, até mais...

... nos vemos em breve.

Espero vocês por lá também. Abraços!